Agenda CulturalBrasília - DF

Filme de artistas brasiliense entra em Cartaz no RS e em Brasília

95views

Brasilienses chegam à capital federalcom curta metragem premiado em festivais internacionais

 

O filme de Tiago “Venusto” Nery e Roberta Rangel, “Quando as janelas não são uma opção entra em cartaz no Rio Grande do Sul nesta quinta-feira (07) e fica nas telas daMostra SESC de Cinema – Panorama Brasília após o dia 09 de novembro até 15 de dezembro.

 

Com baixo orçamento, uma boa narrativa e muita vontade, o curta metragem conta a histórias de duas pessoas que acordam sem saber quem são, aonde estão e que reações vão ter num ambiente que nunca viram na vida. Daí em diante, a dupla começa uma caminhada sem rumo em busca de suas identidades.

 

“Eles experimentam os passos de um relacionamento. Os dois sem memórias, mas curiosos para experimentar, mesmo estando em um beco sem saída, sem janela ou portas que não levam a lugar algum”, conta o diretor Tiago VenustoNery.

 

O enredo do filme foi escrito pela atriz e roteirista, Roberta Rangel, que tinha a ideia inicial de falar sobre um romance. E tudo foi feito com um orçamento de pouco mais de R$ 400. A dupla contou com a ajuda de muitos amigos. O valor foi todo utilizado para pagar a alimentação da equipe durante os dois dias disponíveis de filmagem que os diretores encontraram para conciliar as agendas de toda a equipe, composta por cerca de 13 pessoas.

 

Roberta diz que a ideia é durante a história envolver o expectador e trazê-lo para dentro da narrativa.

 

“Começamos decodificando as imagens arquetípicas advindas do que o ser humano entende como relacionamento.  No processo chegamos aoponto de que seria muito interessante que o expectador fosse o nosso parceiro, montando junto conosco nossa história, preenchendo as lacunas que nossas imagens de sonho propõem”.

 

Antes de desembarcar no Brasil, “Quando as janelas não são uma opção”passou por sete festivais internacionais em seis países diferentes. No Brasil o filme rodou no Ceará, Campinas, Minas Gerais e Rio Grande do Sul. O curta metragem recebeu cinco premiações.

 

Além da capital federal, o filme esse ano ainda será exibido na Mostra Competitiva do 5º Festival de Cinema de Três Passos, nos dias 07 e 08 de novembro, no Rio Grande do Sul.

Serviço

“Quando as janelas não são uma opção”

Mostra SESC de Cinema – Panorama Brasília

De 09 de novembro a 15 de dezembro

 

 

 

Festivais

– Five ContinentsInternationalFilm Festival – Venezuela;
– South filmandartsacademy festival – Chile;
– RomeIndependentfilmawards – Italia;
– CalcuttaInternational Cult Film Festival – India;
– Independent Shorts Awards – Califórnia (EUA);
– CreationInternationalFilm Festival – Canadá;
– ENE InternationalFilm Festival – New York – EUA;
– 2° Cine Cariri – 2019 – Ceará – Brasil;
– 12º Mostra de audiovisual – Campinas – Brasil;
– 3º Mostra de cinema de Fama – Minas Gerais – Brasil;
– 5º Festival de Cinema de Três Passos – Rio Grande do Sul – Brasil;

Premiações
– Melhor atriz – Five ContinentsInternationalFilm Festival – Venezuela;
– Melhor Filme Fantástico – Five ContinentsInternationalFilm Festival – Venezuela;
– Melhor curta-metragem Independente – Categoria Bronze – Independent Shorts Awards – Califórnia (EUA);
– Melhor atriz – Categoria Bronze – Independent Shorts Awards – Califórnia (EUA);
– Melhor filme curta-metragem – CreationInternationalFilm Festival – Autumn – Canadá

 

 

Gostou do Conteúdo? Deixe seu Like


Deixe seu Comentário