Agenda CulturalBrasília - DF

Escritora do DF lança coletânea literária que reúne contistas de todo Brasil

Foto escritores Aguas D'Ile
Foto escritores Aguas D'Ile
134views

Lançamento do livro, que reúne 18 contistas de diversas cidades brasileiras, será realizado em live no dia 15 de janeiro

Em meio a uma pandemia mundial, sem precedentes, nasce a antologia literária “Águas d’ilê”, inspirada na força feminina e matriarcal negra representada por Oxum. A obra, organizada pela escritora e atriz Cristiane Sobral e pelo artista visual Ricardo Caldeira, reúne narrativas de 18 contistas, com formações diversas e de várias cidades brasileiras, inclusive do Distrito Federal. O lançamento do livro, do selo editorial Aldeia de Palavras, será no dia 15 de janeiro, em uma live transmitida pelo canal no YouTube www.youtube.com/cristianesobral

A coletânea está dividida em três capítulos. Em cada escrito, transbordam achados interiores, ancestrais que procuram estratégias de bem viver além do cristianismo, do patriarcado e do capitalismo. Os autores discursam sobre afeto, matriarcado, racismo e oralidades no espaço social comum, em sua maior parte a partir de uma perspectiva ancestral africana e indígena.

Com o tema central “Águas d’ilê”, o livro é um convite para que as pessoas mergulhem em histórias e vivências, conforme realça a escritora, organizadora da antologia, Cristiane Sobral “A água abundante na esfera planetária é fonte de vida e de expressão. Como trama essencial aqui ostentamos as águas de ler, com uma pluralidade de vozes necessárias que transcendem silêncios seculares com dignidade, reafirmando equidade para existências vilipendiadas, dignas das primazias terráqueas”.

A capa do livro é de Nelson Inocêncio, artista visual e professor do Departamento de Artes Visuais da Universidade de Brasília e membro do Núcleo de Estudos Afro-brasileiros da UnB. O prefácio é de Luana Reis, doutoranda em Literatura na Universidade de Pittsburgh, EUA, ambos pesquisadores em expressões culturais de matrizes africanas em diáspora. Entre as escritoras, as moradoras do DF: Cristiane Sobral, Gabriela Furtado, Miriam Bispo, Letícia Érica Ribeiro e também Ricardo Caldeira.

Essa obra é resultado de um curso on-line de formação literária que aconteceu durante a quarentena, conduzido pela escritora e atriz Cristiane Sobral. Paralelamente, os participantes tiveram oficina de apresentação profissional e produção gráfica para escritores, conduzida pelo co-criador e diretor de arte do projeto, Ricardo Caldeira. A produção cultural é de Alyne Lima.

Os integrantes da equipe buscam por meio da linguagem poética provocar a sociedade sobre temas sociais, com destaque a luta contra racismo e valorização das pessoas negras. A arte, neste sentido, se torna também instrumento político e de transformação social.

Os escritos da antologia são dos autores: Alyne Lima (Brasília- DF), Cax Nofre (São Paulo – SP), Cristiane Sobral (Brasília – DF), Denise da Costa (Fortaleza – CE), Gabriela Furtado (Brasília – DF), Joseane Cantanhede (São Luís – MA), Kátia Rocha (Salvador – BA), Letícia Érica Ribeiro (Brasília – DF), Mirian Bispo (Sobradinho – DF), Patrícia Aniceto  (Santos Dumont –  MG), Ricardo Caldeira (São Sebastiao – DF), Sarah Muricy (Campo Grande – MS), Sheila Martins (Rio de Janeiro- RJ), Silvia Carvalho (Rio das Ostras – RJ), Tânia Cerqueira ( Salvador – BA), Thalles do Nascimento Castro (Juiz de Fora – MG), Toni Edson (Aracaju – SE) e Viviane Martins (Campos – RJ).

Obra inaugura selo editorial Aldeia de Palavras

A antologia Águas d’ilê inaugura o selo editorial Aldeia de Palavras, de Cristiane Sobral. Um dos objetivos dessa iniciativa é a inserção de novos escritores e escritoras no mercado das letras. Esse é um movimento simbólico produzido no ano em que Cristiane Sobral comemora os 20 anos da primeira publicação nos Cadernos Negros 23, organizado pelo grupo Quilombhoje Literatura (SP). Na época, estreou com o poema “Não vou mais lavar os pratos”.

“A força motriz do projeto nasceu da necessidade de romper silêncios históricos considerando os caminhos estéticos das escrituras e o compartilhamento de experiências no mercado editorial ainda tão restrito para a população negra e periférica, especialmente para mulheres negras”, ressalta Cristiane Sobral.

PRODUÇÃO

Cristiane Sobral

A escritora Cristiane Sobral é carioca e vive em Brasília. Ela é mestre em Teatro pela Universidade de Brasília (UnB), atriz, escritora, dramaturga e professora de teatro da Secretaria de Educação do Distrito Federal (SEDF). Além disso, pesquisa sobre a estética no teatro negro. Há 20 anos dirige a Companhia de Arte Negra Cabeça Feita.

Em 2017, ganhou o prêmio FAC – Culturas Afro-Brasileiras. Entre as obras publicadas pela autora, estão livros de prosa e poesia, como Terra Negra (2017), Não vou mais lavar os pratos (2010) e Só por hoje vou deixar meu cabelo em paz (2014). É escritora imortal da Academia de Letras do Brasil – seção Distrito Federal (ALB), atual titular da cadeira nº 34

Ricardo Caldeira

Por meio da sinergia entre desenho, dança e literatura, Ricardo Caldeira aborda a dramaturgia da expressão corporal negra e sexualmente diversa. Nasceu em Brasília em 1988, cresceu, vive e atua em São Sebastião, cidade/vila/vale do interior do DF. Desde 2010 participa de atividades voltadas à valorização artístico-cultural periférica por meio da coprodução de eventos, apresentação artística e formação educativa.

Em 2020 publicou o primeiro livro, Vendaval, um catálogo gráfico biográfico e ensaístico. É protagonista do 5º episódio da série Favela Gay – Periferias LGBTQIA+, atualmente disponível na Globosat Play.

Alyne Lima

Escritora, designer gráfico e produtora com atuação artístico-cultural-sócio-político. Tem poemas publicados nos livros: Além da Terra, Além do Céu – Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea – Vol II e Antologia Aldeia de Palavras em São Tomé e Príncipe. Co-fundadora de projetos voltados à difusão artística na periferia, entre eles: Coletivo Alfa Centauro, Sarau Encontro de Verso, Dente de Leão, Programa TV WEB Foco de Cultura e BB Zine nos quais atua como produtora cultural e executiva. Faz parte de diferentes iniciativas como designer na criação de publicações digitais e impressão gráfica como Jornal IDentidade, HIP HOP contra a fome, RAPensando nas escolas e Feira Coisa de Preto. Nas Oficinas de Escrita Criativa com Cristiane Sobral atua como produtora e hostess, sendo parte da produção dessa Antologia.

ESCRITORAS

Mirian Bispo

Filha de Orunmilá, Orixá do conhecimento, o anjo da guarda, aquele que a guia, conduz e traz a inspiração necessária para cada linha escreve, nas quais apresenta a trajetória na religião, a identidade, a adoração. Sente-se honrada de poder falar dessa herança que a foi dada pelos meus antepassados.

Gaúcha, vive em Brasília. Participa de corais e saraus na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS. Pedagoga, escritora, colunista no blog Fala, Preta, onde publicou os primeiros textos, crônicas. Estudante da cultura Yorùbá, tem buscado conhecimento com participação em eventos, oficinas e seminários. A obra é a relação entre a realidade e ficção.

Letícia Érica Ribeiro

Escreve porque acredita que a escrita é uma forma de se colocar no mundo e de transmitir as vozes, os afetos e os sentires das mulheres que permearam e permeiam a sua história. Militante do Movimento Feminista, trabalha com o enfrentamento à violência de gênero, com mulheres em condições de vulnerabilidade e em privação de liberdade, por meio da organização de encontros, rodas de histórias de vida e de poesias.

Goiana, professora do Instituto Federal de Brasília desde 2013, é formada em Letras pela Universidade Federal de Goiás, master em Literatura Comparada pela Universidade Sorbonne Nouvelle/França, mestre em Educação pela Universidade de Brasília e doutoranda em Estudos interdisciplinares de Gênero na Universidade de Salamanca/Espanha.

 

Serviço:

Lançamento virtual do livro Águas d’ilê

Data: 15 de janeiro às 19h

Canal: www.youtube.com/cristianesobral

Valor do livro: R$ 40 – pedido de compras pelo [email protected] ou pelo whatsapp (61) 9 9153-1883 ou (61) 9 9294-5511 (Alyne Lima)

 

Ficha técnica do livro:

Editora, organizadora, gestora revisora e facilitadora da formação em escrita criativa – Cristiane Sobral

Cocriador, diretor de arte e facilitador da formação em produção gráfica e currículo – Ricardo Caldeira

Desenhos – Nelson Inocêncio

Designer assistente – Weslley Souza

Ficha catalográfica – Bibliotecária Buruku (Nathany Brito Rodrigues)

Correvisora – Kátia Rocha

Assessora de imprensa – Larissa Mantovan

Produtora – Alyne Lima

Assistentes de produção – Micael Amorim e Sarah Benedita

Larissa Mantovan

+ 55 61 9333 9883

[email protected]

Gostou do Conteúdo? Deixe seu Like


Leave a Response